terça-feira, 9 de outubro de 2018

Mais de 70 candidatos com patente militar foram eleitos em todo o país

Pelo menos 8% dos 961 candidatos militares que disputaram as eleições desse domingo (7) conseguiram ser eleitos. Impulsionados por temas como a segurança pública e o combate à corrupção, esses candidatos acabaram se destacando em todos os estados e para todos os cargos em disputa, a começar pela Presidência da República, que será definida em segundo turno entre o capitão da reserva do Exército Jair Bolsonaro (PSL) e o professor Fernando Haddad (PT).
Regional e estadualmente, o cenário tende a confirmar nomes com patentes em registros eleitorais. Três estados vão eleger, em segundo turno, o novo governador com pelo menos um militar na disputa. No Rio de Janeiro, um resultado inesperado colocou o ex-fuzileiro naval Wilson Witzel (PSC), um novato na política, na disputa com o ex-deputado e ex-prefeito da capital Eduardo Paes, que concorre pelo DEM. Também há militares entre os nomes que concorrem ao governo de Rondônia e de Santa Catarina.
Ao todo, em um levantamento que considera apenas os que se declararam militares, é possível apontar pelo menos 79 nomes confirmados também para cadeiras no Congresso Nacional e nas assembleias legislativas. Entre estes, já estão asseguradas duas vagas no Senado e 22 na Câmara. Nos estados, o número passa de 60 parlamentares.
Sudeste
A Região Sudeste teve o maior número de militares eleitos no primeiro turno. Entre os eleitos para todos os cargos, há 40 nomes confirmados e um que passou para a o segundo turno no Rio de Janeiro: Wilson Witzel (PSC), ex-juiz federal e servidor público com passagens pela Marinha. No primeiro turno, Witzel obteve 41,28% dos votos válidos e Eduardo Paes (DEM, 19,56%.
O Rio, que elegeu para o Senado o atual deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL), filho de Jair Bolsonaro, traz para a Câmara Federal o Subtenente Hélio Fernando Barbosa Lopes (PSL), que obteve 345,2 mil votos, e mais três militares filiados ao partido. Na Assembleia Legislativa, cinco militares foram eleitos. O mais votado, com 140 mil votos, foi Rodrigo Amorim (PSL), que ficou conhecido ao ser acusado de quebrar uma placa em homenagem à vereadora Marielle Franco, assassinada em 14 de março.
Outro filho de Bolsonaro que também já foi policial, Eduardo Bolsonaro, foi eleito deputado federal por São Paulo, junto com mais cinco militares. Os paulistas também escolheram Major Olimpo (PSL) para o Senado, com mais de 9 milhões de votos. No Legislativo estadual, pelo menos 10 das 94 cadeiras serão ocupadas por candidatos que se declararam militares.
Pelo menos um cabo, um subtenente e um delegado representarão Minas Gerais na Câmara dos Deputados. Na Assembleia Legislativa, há cinco nomes, entre sargentos, delegados e coronéis que garantiram assento entre os 77 parlamentares estaduais.
No Espírito Santo, quatro deputados estaduais eleitos têm patentes militares.
SUL
Na Região Sul, o governo de Santa Catarina será definido em segundo turno pelo Comandante Moisés (PSL) e o civil Gelson Merísio (PSD). Os catarinenses elegeram pelo menos três militares do partido de Bolsonaro: um para deputado federal – Coronel Armando – e dois para a Assembleia Legislativa – Coronel Mocellin e Sargento Lima.
Os candidatos com patentes nos registros eleitorais eleitos pelos gaúchos também são do PSL: Tenente Coronel Zucco e Capitão Macedo Professor, ambos deputados estaduais.
CENTRO-OESTE
Sete militares foram eleitos deputados nos quatro estados da Região Centro-Oeste e no Distrito Federal (DF). Cinco são nomes ligados ao PSL e pelo menos dois eleitos que têm patentes no nome vão ocupar uma cadeira no Congresso Nacional, ambos representando Goiás: o campeão de votos, Delegado Waldir (PSL), com 274,4 mil e o menos votado, Major Vitor Hugo (PSL), com 31,1 mil votos.
Mato Grosso elegeu o Delegado Claudinei (PSL), com quase 30 mil votos, como um dos 24 estaduais. Em Mato Grosso do Sul, os dois estaduais mais votados são do PSL: Capitão Contar, que teve 78,3 mil votos, seguido pelo Coronel Davi, com 45,9 mil votos. Na lista, ainda figura o Cabo Almi (PT), que obteve 21,2 mil votos. Como distrital, o Delegado Fernando Fernandes (Pros) conquistou uma vaga, com 29,4 mil votos.
NORTE
O Coronel Marcos Rocha (PSL) disputará, em segundo turno, o governo de Rondônia com Expedito Júnior (PSDB). Os eleitores do estado confirmaram, entre os oito deputados federais que os representarão no Congresso, outro coronel. Chritóstomo (PSL) teve o apoio de 28,3 rondonienses, passando na lista como o últimoeleito. Entre os 24 estaduais, estão Cabo Jhony Paixão (PRB) e outro peesselista, Sargento Eyder Brasil.
Duas patentes aparecem entre os oito deputados federais eleitos no Amazonas. Delegado Pablo, do PSL, foi o segundo mais votado no estado (151,6 mil). Capitão Alberto Neto (PRB) também conseguiu um assento no Congresso. Entre os dois militares confirmados entre 24 deputados estaduais, o pesselista Delegado Péricles concentrou o maior número de votos (30,5 mil).
O Pará também terá, entre os 17 federais eleitos, um militar no Congresso Nacional, o Delegado Éder Mauro (PSD), que garantiu a vaga com 145,6 mil votos. E três delegados foram eleitos para a Assembleia Legislativa.
Roraima tem dois militares na lista de deputados estaduais confirmados. E, no Acre, apenas o Sargento Cadmiel Bomfim foi eleito entre os candidatos com patentes militares no nome. Cadmiel, do PSDB, conseguiu mais de 3,6 mil votos (0,86%). Na relação de eleitos do Amapá, não há nomes de candidatos que usaram patentes militares no registro, bem como na do Tocantins .
NORDESTE
Sergipe e Rio Grande do Norte elegeram, cada estado, um nome com patente militar para ocupar assentos no Senado. O mais votado pelos sergipanos foi o Delegado Alessandro Vieira (Rede). Também da Rede, o Capitão Styvenson ficou no topo da lista no Rio Grande do Norte, com 7456,8 mil votos. Os dois estados também escolheram militares para as respectivas Assembleias Legislativas, um em cada.
No Piauí, Capitão Fábio Abreu (PR) é o único deputado federal com patente entre os eleitos. Entre os estaduais com esse perfil, há ainda nomes no Ceará (dois), Piauí (um), Bahia (dois), Paraíba (um), Pernambuco (dois) e Alagoas (um). Apenas o Maranhão não elegeu candidatos declarados militares.
Agência Brasil

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

TRE DIVULGA RELAÇÃO DE URNAS E LOCAIS DE VOTAÇÃO EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU



Justiça Eleitoral - 7ª Zona/RN – ELEIÇÕES 2018
SEÇÕES ELEITORAIS NO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DE MIPIBU

ESCOLA ESTADUAL BARÃO DE MIPIBU
Seção(ões): 21; 22; 23; 24; 25; 26; 27; 70;
Endereço : PRACA CAPITÃO JOSÉ DA PENHA, S/N, CENTRO

ESCOLA ESTADUAL PROF. FRANCISCO BARBOSA
Seção(ões): 28; 29; 30; 31; 32; 33; 34; 35; 77; 107; 150;
Endereço : AVENIDA MOIZANIEL DE CARVALHO, S/N, CENTRO

INSTITUTO PIO XII
Seção(ões): 36; 37; 38; 39; 40; 41; 97; 108;
Endereço : RUA 15 DE NOVEMBRO, S/N, CENTRO

ESCOLA ESTADUAL PROF RAFAEL GARCIA
Seção(ões): 44; 45; 46; 76; 100;
Endereço : RUA GOV RAFAEL FERNANDES, S/N, BAIRRO NOVO

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA CLORIS TRIGUEIRO PEIXOTO
Seção(ões): 47; 48; 78;  87; 99; 149;
Endereço : PAU BRASIL, S/N, ZONA RURAL

CENTRO DE EDUCAÇÃO RURAL MARIA JOSÉ DE MELO
Seção(ões): 49; 50; 51; 52; 72; 82; 112;
Endereço : POVOADO DE LARANJEIRAS DO ABDIAS, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL PREFEITO JANILSON FERREIRA
Seção(ões): 53; 54; 55; 56; 95;
Endereço : POVOADO DE ARENÃ, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA ESTADUAL PROFESSORA TERCEIRA ROCHA
Seção(ões): 57; 58; 69;
Endereço : POVOADO DE LARANJEIRAS DOS COSMES, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA ISOLADA MARIA HELENA PEREIRA GOMES
Seção(ões): 59; 73;
Endereço : POVOADO DO MENDES, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA ISOLADA HÉLIO FERREIRA
Seção(ões): 60; 61;
Endereço : POVOADO DE JAPECANGA, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL JÚLIO FERREIRA DA SILVA
Seção(ões): 62; 63;
Endereço : POVOADO DE LARANJEIRA DOS COSMES, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL GENUÍNO DE SOUZA MENINO
Seção(ões): 64; 65; 68; 90; 101;104; 146;
Endereço : POVOADO DE MANIMBU, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL CONEGO PEDRO PAULINO
Seção(ões): 66; 67;
Endereço : POVOADO DO MENDES, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL JOSE GOMES DE LIMA
Seção(ões): 74; 84;
Endereço : POVOADO DE JACARACICA, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL FELIPE TAVARES DE PAIVA
Seção(ões): 71; 103; 105; 144; 145;
POVOADO DE TABORDA, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL JANILSON FERREIRA
Seção(ões): 75; 111;
Endereço : SITIO BURACO, S/N, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR SEVERINO BEZERRA DE MELO
Seção(ões): 42; 43; 79; 80; 81;  83;  85;  86;  88; 91;  93;  94;  96;
Endereço : RUA OLAVO FELICIANO, S/N, CENTRO

E. M. BERNARDO DE SOUZA COUTINHO
Seção(ões): 102; 109;
Endereço : POVOADO DE AREIA BRANCA, N. 119, ZONA RURAL

ESCOLA MUNICIPAL MARIA APARECIDA DE CARVALHO FERREIRA
Seção(ões): 89; 92; 98; 106; 110;
Endereço : AV. SENADOR JOÃO CÂMARA, 706, TANCREDO NEVES

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA SEVERINA FERREIRA DA SILVA
Seção(ões): 113;
Endereço : COMUNIDADE DO MENDESINHO, ZONA RURAL

CEMEI - BOSQUE DAS COLINAS
Seção(ões): 147;
Endereço : RUA GREGÓRIO DE MATOS,S/N, BOSQUE DAS COLINAS



segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Dezenove réus e 12 acusados da Lava Jato na eleição


Ao menos 19 réus em processos ligados à Operação Lava Jato e 12 acusados pelo Ministério Público em desdobramentos da operação são candidatos nas eleições de outubro.  Parte deles aparece bem posicionada em pesquisas de intenções de voto.
Além do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que teve a candidatura a presidente barrada pela Justiça Eleitoral, a lista de réus e denunciados inclui seu substituto, o também petista Fernando Haddad, alvo de processo na Justiça Eleitoral de São Paulo, e lideranças do Congresso que tentam renovar seus mandatos, como Edison Lobão (MDB-MA) e Valdir Raupp (MDB-RO).
Em Alagoas, por exemplo, são líderes na mais recente pesquisa do Ibope para o Senado Renan Calheiros, apontado pela Procuradoria-Geral como integrante do “quadrilhão” do MDB, e Benedito de Lira, também denunciado como membro de organização criminosa, mas do PP.
Para o governo do estado, o eleitor tem como principais opções o ex-presidente e senador Fernando Collor (PTC), réu acusado de corrupção, lavagem e organização criminosa, e Renan Filho (MDB), herdeiro do clã Calheiros, foco de um inquérito no Superior Tribunal de Justiça derivado da delação da Odebrecht.
Também se destacaram em pesquisas recente do Ibope para o Senado o catarinense Raimundo Colombo (PSD), ex-governador que é réu na Justiça Eleitoral, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), candidata em Minas Gerais e duas vezes denunciada na Lava Jato, o paraense Jader Barbalho (MDB), denunciado sob suspeita no caso do “quadrilhão” do MDB, e Ciro Nogueira (PP), denunciado que tenta se reeleger no Piauí.
Entre presidenciáveis, Geraldo Alckmin (PSDB) foi acusado na semana passada em ação de improbidade pelo Ministério Público de São Paulo, e José Maria Eymael (DC) passou a ser investigado em 2017 na esteira da delação da Odebrecht.
Folha localizou 63 casos de investigados que são candidatos e outros 15 políticos que tiveram investigações arquivadas e novamente estão concorrendo. A maior parte dos investigados são congressistas incluídos nas “listas de Janot”, como ficaram conhecidos os inquéritos pedidos pelo então procurador-geral da República em decorrência das delações da Lava Jato.
Repasses via caixa dois estão no centro da maioria dessas investigações, mas há também casos que se tornaram símbolos dos escândalos de corrupção, como o de Lúcio Vieira Lima, deputado federal do MDB da Bahia e irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima.  Ambos são réus em processo sobre os R$ 51 milhões em dinheiro encontrados em um apartamento em Salvador.
A favor dos alvos da operação está o novo modelo de financiamento da eleição, que aumentou o poder das cúpulas ao instituir o fundo eleitoral bancado com dinheiro público. A força financeira deve fortalecer as candidaturas à reeleição de nomes mais conhecidos do eleitorado, ainda que sejam alvos de delações.
Robson Pires

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Eleitor já pode simular votação na urna eletrônica no site do TSE


Na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na internet, o eleitor tem à disposição um Simulador de Votação na Urna Eletrônica. Nele o cidadão pode treinar a votação para todos os cargos em disputa nas eleições de outubro da mesma maneira como ocorrerá no dia do pleito, como se estivesse diante de uma urna eletrônica, de forma rápida, didática e divertida.
Desenvolvido pelo TSE, o software lançado no último dia 24 apresenta uma lista de candidatos e partidos fictícios para cada cargo (Partido dos Esportes, Partido dos Ritmos Musicais, Partido das Profissões, Partido das Festas Populares e Partido do Folclore). O eleitor pode navegar pelos partidos usando as setas para direita e para esquerda na filipeta de candidatos no alto da página. Antes de votar no Simulador, o usuário deve escolher o turno da eleição que deseja participar: primeiro ou segundo.
No fim da votação, ou a qualquer momento, o eleitor poderá retornar à página inicial, escolher o turno e reiniciar a votação (basta clicar no link “nova simulação”). Devido a seu caráter didático, caso o usuário realize um procedimento incorreto durante a votação, o simulador apresentará uma mensagem explicativa e a tela será bloqueada até que ele clique na mensagem apresentada.

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Quase dois terços dos brasileiros recorrem ao bico para fechar contas










A maioria dos brasileiros recorreu a trabalhos informais no primeiro semestre deste ano para conseguir sobreviver por causa da lenta retomada da economia e do emprego formal. Entre janeiro e junho, 64,4% dos trabalhadores fizeram bicos para equilibrar as suas finanças.
É uma fatia bem maior do que a registrada no mesmo período do 2017, quando 57,4% foram atrás de trabalhos extras, aponta um estudo do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas.
Robson pires

quarta-feira, 27 de junho de 2018

Campanha da Executiva para o Detran chama atenção de motociclista



Efeito da campanha da agência de propaganda Executiva para o Detran do Rio Grande do Norte.
Uma moto simbolicamente acidentada foi colocada – coberta por um lençol como se tivesse um morto – próximo à parada de ônibus ao lado do Nordestão do Cidade Jardim, em Natal.
O motociclista para e fica olhando.
Atingindo o objetivo da campanha que, nesse caso, chamava a atenção dos motociclistas.
Ponto para a campanha da Executiva.

Thaisa Galvão

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Enfim a bola começa a rolar nesta quinta, na Copa 2018; Brasil estreia no domingo

A Copa do Mundo Rússia 2018 tem início nesta quinta-feira (14), às 12h (horário de Brasília), com o jogo entre as seleções do país anfitrião e da Arábia Saudita, no histórico Estádio Luzhniki, em Moscou, palco da Olimpíada de 1980, reformado para a competição da Federação Internacional de Futebol (Fifa).
Antes de a bola rolar, a festa oficial de abertura pretende mostrar um pouco da cultura russa para o mundo e para o público presente no estádio.
O árbitro principal da partida é o argentino Néstor Pitana, de 42 anos. Ele terá como auxiliares os também argentinos Hernán Maidana e Juan Pablo Bellati.
Pitana participou da Copa de 2014, no Brasil, apitando quatro jogos, um deles das quartas-de-final, quando a Alemanha venceu a França por 1 a 0 no Maracanã, no Rio de Janeiro.
Robson Pires

quarta-feira, 13 de junho de 2018

STF acata denúncia contra José Agripino e inocenta a prefeita Rosalba Ciarlini

Do G1 – DF
O Supremo Tribunal Federal (STF) aceitou hoje denúncia contra o senador José Agripino Maia (DEM).
Com isso ele se torna réu no processo que apura desvios na execução de contrato para inspeção veicular ambiental em Natal.
O STF começou a julgar o caso há mais de um mês.
Na semana passada parou no empate e hoje, no desempate, o placar ficou em 3 X 2 em desfavor de Agripino.
A decisão não significa que Agripino é culpado – ao longo da ação penal, a defesa terá a oportunidade de provar se o senador é inocente, com depoimentos de testemunhas e coleta de novas provas. Só ao final do processo, o STF poderá condenar ou absolver o parlamentar.
Votaram pelo prosseguimento do caso o relator, ministro Ricardo Lewandowski, Edson Fachin e Celso de Mello.
Contra o recebimento da denúncia votaram Gilmar Mendes e Dias Toffoli.
A defesa de Agripino nega as acusações e diz que a denúncia do Ministério Público é baseada em depoimentos de delatores que foram coagidos.
A ex-governadora do Rio Grande do Norte Rosalba Ciarlini, atual prefeita de Mossoró, também foi denunciada por supostamente ter ajudado o senador a obter vantagens indevidas.
A Segunda Turma, porém, rejeitou a acusação, por considerar que não havia indícios contra ela.

sexta-feira, 25 de maio de 2018

GERALDO MELO DECLARA APOIO A PRÉ CANDIDATURA DE FÁBIO DANTAS AO AO GOVERNO E DIKSON JR. CHAMA ATENÇÃO DA CÚPULA DO PSDB PARA VIREM TODOS

Viram ai, amigos? Essa declaração de Geraldo Melo só reforça o que venho defendendo desde o ano passado. A pré-candidatura de Fábio Dantas ao Governo é a melhor para o nosso PSDB, que não pode apoiar um governo desaprovado, e já na sua reta final, ou ingressar em uma campanha que não tem, sequer, espaço para nosso futuro senador Geraldo. Fábio abarca nosso projeto - unânime - de fazer Melo senador e essa notícia demonstra o caminho que nosso partido deverá seguir. Agora, espero que nosso diretório estadual declare isso o quanto antes. Não podemos perder o time. Fábio está no interior e sua pré-campanha já cresce e só tende a se fortalecer, já que não tem rejeição, nem histórico negativo. Com o apoio fundamental das nossas lideranças tucanas, tenho certeza que elegeremos a melhor proposta administrativa para o RN!

Dickson Jr - PSDB NATAL/RN


NOTÍCIA EM THAISA GALVAO

Geraldo Melo declara que seu pré-candidato a governador é Fábio Dantas http://www.thaisagalvao.com.br/2018/05/24/geraldo-melo-declara-que-seu-pre-candidato-a-governador-e-fabio-dantas/

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Detran incorpora novos procedimentos na plataforma de serviços online



O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) passou a disponibilizar mais dois procedimentos na sua plataforma de serviços online. O agendamento de teste prático de direção veicular e a solicitação da CNH definitiva já podem ser requeridas diretamente no site do Detran.
Agora a medida de comodidade e agilidade implantada pelo órgão Estadual de Trânsito tem como foco os usuários que estão em processo de primeira habilitação e aqueles que são permissionários, ou seja, receberam a CNH provisória e, após cumprir o prazo de um ano, podem solicitar a habilitação definitiva.
No caso da iniciativa do agendamento online de teste prático, o cidadão somente precisará vir ao Detran na data e horário selecionados pelo usuário por meio do sistema em funcionamento no site. Com isso, o deslocamento do usuário a uma das unidades do Detran é reduzido, já que muitas vezes o cidadão vinha ao posto do Detran agendar o teste e em outro dia realizava a prova prática.
Outro ponto importante é que o usuário realizando o agendamento via plataforma online já pode emitir o boleto de pagamento com a taxa cobrada pela realização do teste. Dessa forma, a quitação pode ser feita pelo aplicativo do Banco do Brasil, imprimir a guia e pagar diretamente no caixa do banco, ou mesmo buscar uma agência do Pagfácil e informar o CPF, que o débito será localizado, podendo assim ser quitado pelo usuário, que chegará ao Detran com todo o procedimento para realização do teste concluído.
A situação se torna ainda mais cômoda e prática para aqueles usuários que foram habilitados e receberam a Permissão para Dirigir. Nesse caso, estando o condutor com o endereço residencial atualizado no sistema do Detran, ele não precisará ir a nenhuma das unidades do Órgão, bastando apenas solicitar a CNH Definitiva via plataforma online, que o Detran se encarrega de enviar o documento ao endereço cadastrado pelo motorista.
O diretor geral do Detran, Eduardo Machado, lembrou que outros serviços estão sendo analisados no intuito de disponibilizar novos procedimentos na plataforma de serviços online do Órgão. “Novos serviços vão ser implantados e com isso estamos dando um passo importante na modernização do Detran, que já se reflete na diminuição de filas, no tempo de espera dos usuários e na satisfação daqueles que começam a utilizar os serviços via internet”, comentou
O procedimento de agendamento do teste prático e solicitação da CNH definitiva pela internet é simples e prático, bastando que o usuário entre no site do Detran e clique no botão “Consulta de Pessoas e Boletos”. Logo em seguida, abre uma nova tela onde o sistema pede para que o cidadão insira os números do CPF e do registro da CNH (caso não tenha CNH, basta o CPF), e logo após, clica em “consulta”. Dessa maneira, o usuário tem acesso aos dados da sua habilitação. Nessa mesma tela é possível visualizar os botões que dão acessos ao agendamento, CNH definitiva, como também a renovação e a segunda via da CNH.
Robson Pires

terça-feira, 15 de maio de 2018

Exoneração do comandante do Corpo de Bombeiros irrita oficiais



A Associação dos Oficiais Militares do RN criticou, em nota, a exoneração do coronel Monteiro Júnior do Comando do Corpo de Bombeiros Militar. A decisão foi publicada no Diário Oficial nesta terça-feira, 15.
“É a primeira vez que uma corporação militar fica sem comandante. Isso mesmo, o ataque de fúria que exonerou o até então Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do RN, sequer designou o seu substituto”, destaca a nota.
De acordo com a Associação, “os gestores das nossas Corporações Militares são simplesmente execrados publicamente, destituídos de suas funções, apenas por, em respeito à técnica e à sociedade, não rezarem na cartilha do poder político, não atenderem a vontade de guetos do Poder”.
NOTA DE DESAGRAVO
O Diário Oficial, edição de hoje, traz, para surpresa e indignação da família Militar, a exoneração do coronel Monteiro Júnior, do cargo de Comandante Geral do CBM/RN, um dos mais bem conceituados coronéis daquela instituição.
O Executivo, em mais uma mostra de total desrespeito aos militares e a sociedade, exonera sem qualquer explicação.
O povo do Rio Grande do Norte assiste, revoltado, ao espetáculo macabro em que os gestores das nossas Corporações Militares são simplesmente execrados publicamente, destituídos de suas funções, apenas por, em respeito à técnica e à sociedade, não rezarem na cartilha do poder político, não atenderem a vontade de guetos do Poder.
No caso específico, uma curiosidade nos deixa perplexo: certamente é a primeira vez que uma corporação militar fica sem comandante. Isso mesmo, o ataque de fúria que exonerou o até então Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do RN, sequer designou o seu substituto.
Dessa forma, o atual governo relativiza a máxima inegociável das instituições militares, que determinava, até ontem, que “o comandante pode até morrer, mas o comando nunca morre”.
Ao Coronel Luiz Monteiro da Silva Júnior, ex Cmt Geral do Corpo de Bombeiros do RN, nosso irrestrito apoio e mais completa solidariedade.
Associação dos Oficiais Militares do RN

CPRE MANTÉM FISCALIZAÇÃO DE TRÂNSITO E DETÉM UM CONDUTOR POR DIREÇÃO PERIGOSA EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU

Na noite desta segunda 14, Policiais militares do comando de policiamento rodoviário estadual (CPRE), realizaram mais uma operação de fiscalização de trânsito nas vias de São José de MIpibu/RN.

A ação resultou em 12 autos de infrações e na remoção de 7 veículos ao pátio do DETRAN. Ainda segundo a polícia, durante o patrulhamento, uma pessoa que conduzia uma motocicleta com um garupa sem capacete, desobedeceu as ordens de parada pelos agentes de trânsito, e com ajuda do esquadrão águia, culminou na interceptação do infrator que foi conduzido a delegacia e lavrado o auto em seguida.

segunda-feira, 7 de maio de 2018

Inscrições para o Enem começam nesta segunda e vão até 18 de maio

Começa nesta segunda (7) o período de inscrições para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Os candidatos têm até o dia 18 de maio para se inscrever pela Página do Participante, no site do Inep.
O custo da inscrição neste ano é de R$ 82, mesmo valor de 2017. O pagamento pode ser feito até 23 de maio em agências bancárias, nos Correios ou em lotéricas.
O exame acontece em 4 e 11 de novembro, dois domingos. No primeiro dia, as provas serão de redação, ciências humanas e linguagens, com tempo de cinco horas e meia.
No segundo dia, os candidatos terão cinco horas para completar as questões de matemática e ciências naturais, meia hora a mais do que no ano passado.
Mesmo quem teve o pedido de isenção da taxa aceito deve fazer a inscrição online, visto que a aprovação não garante a participação no Enem.
Em 2018, mais de 3 milhões de pessoas solicitaram o direito de não pagar para fazer as provas.
Para acompanhar as informações sobre o exame, os candidatos podem baixar o aplicativo para celular Enem 2018, que está disponível gratuitamente no Google Play e na App Store.
A nota obtida nas provas é o principal meio de acesso dos estudantes às universidades públicas do país.
FRAUDE
Levantamento inédito da Folha constatou a possibilidade de fraude em ao menos 1.125 provas do Enem.
São provas com padrão de respostas tão semelhantes entre si que, estatisticamente, seria improvável que não tenha havido algum tipo de cópia.
De acordo com o modelo estatístico utilizado no estudo, a chance de serem semelhantes devido ao acaso é de no mínimo 1 em 1.000.
Ou seja, seria necessário repetir o exame mil vezes para que duas provas, sem interferência, fossem tão parecidas como os gabaritos suspeitos.
Após a publicação da reportagem, o Ministério Público Federal no Ceará pediu ao Inep que investigue a possibilidade de que o Enem tenha sido fraudado.
O Inep afirmou que trabalha em conjunto com a Polícia Federal para identificar e coibir fraudes.
CASOS DESCOBERTOS
jan.2018
No Enem de 2017, um estudante de 27 anos entrou na sala de prova com o celular escondido na cintura e copiou o trecho de um livro na redação
Onde: Bahia

nov.2017
Em provas de anos anteriores, quadrilha passava, de fora, os gabaritos aos candidatos. Em operação chamada de Passe Fácil, foram cumpridos 31 mandados de busca e apreensão e 31 de condução coercitiva
Onde: 13 estados (PE, BA, CE, ES, GO, MA, MG, MT, PA, PI, PR, RS e SP)

nov.2017
Quadrilha fraudava, além do Enem, outros concursos; foram cumpridos 28 mandados de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva, com cinco presos
Onde: Ceará, Paraíba e Piauí

set.2017
Treze pessoas foram indiciadas por diferentes tipos de fraudes nas provas de 2015 e 2016; houve casos de candidatos que sabiam o tema da redação previamente, levaram cola escrita ou ainda que fingiram ser sabatistas (religiosos que precisam guardar o sábado)
Onde: Maranhão, Pará, Amapá, Ceará e Piauí

nov.2016
Quadrilha cobrava até R$ 180 mil para passar respostas por meio de ponto eletrônico ligado a um cartão com chip, preso ao corpo, que funcionava como um celular; o candidato confirmava se entendia com uma tosse
Onde: Montes Claros (MG)

nov.2014
Grupo também usava esquema do cartão para passar gabarito, a partir de um hotel, por meio de códigos combinados previamente. Havia manual que ensinava como o candidato deveria agir. Uma agenda indicava mais de 160 estudantes que teriam sido aprovados
Onde: Pontes e Lacerda (MT).

Folha de São Paulo